FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

TIO VANYA EM NOVA YORK

O cineasta francês Louis Malle, em 31 anos de carreira, dirigiu exatos 33 filmes, entre curtas, longas e documentários. Uma média de pouco mais de um filme por ano. Malle foi um dos poucos diretores a ter uma carreira bem sucedida tanto na França como nos Estados Unidos. Tio Vanya em Nova York foi seu último trabalho. O filme baseia-se na obra de Anton Chekhov e na peça teatral escrita por David Mamet. Ambas serviram de base para o roteiro adaptado por Andre Gregory. Na Rua 42, em Nova York, um grupo de atores faz uma leitura dramática de Tio Vanya. O diretor vai apresentando suas personagens comuns e, aos poucos, os ensaios vão tomando corpo. Malle, como todo grande mestre de sua arte, realiza um belo exercício derradeiro. Seu filme-testamento exala sensibilidade, apuro narrativo e precisão. Somos fisgados pela qualidade de seu roteiro e pela espontaneidade de um elenco primoroso. Tio Vanya em Nova York é mais uma prova de que é possível realizar um grande filme com poucos recursos e muita criatividade.

TIO VANYA EM NOVA YORK (Vanya on 42nd Street – EUA 1994). Direção: Louis Malle. Elenco: Julianne Moore, George Gaynes, Brooke Smith, Wallace Shawn, Larry Pine, Phoebe Brand, Jerry Mayer, Lynn Cohen, Madhur Jaffrey e Andre Gregory Duração: 119 minutos. Distribuição: Paragon.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES