FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

O ARTISTA

A ideia em si parecia bem interessante. Afinal, fazer um filme em 2011 como se fosse 1927 era atraente e até ousada. Foi isso que o roteirista e diretor francês Michel Hazanavicius fez. O Artista conta uma história que se passa no final dos anos 1920, em Hollywood. George Valentin (Jean Dujardin) é um dos maiores astros do cinema e teme perder seu posto com o advento do som. Nesse meio tempo, Peppy Miller (Bérénice Bejo), uma jovem dançarina por quem ele tem atração, começa a se destacar no uso da nova tecnologia. O Artista caiu nas graças de todo mundo, a partir de sua estreia no Festival de Cannes, de onde saiu com dois prêmios. O boca-a-boca em torno do filme só cresceu, e isso acabou por criar uma onda mundial extremamente favorável, que culminou com diversos outros prêmios, entre eles, a vitória em cinco categorias do Oscar: melhor filme, diretor, ator, figurino e trilha sonora. O curioso é que da mesma forma rápida com que O Artista conquistou o mundo, ele também, na mesma velocidade, foi esquecido e perdeu relevância. De marcante mesmo, ficou só o desempenho do cachorro Uggie, que ganhou um prêmio especial em Cannes e simplesmente rouba todas as cenas em que aparece.

O ARTISTA (The Artist – França/EUA/Bélgica 2011). Direção: Michel Hazanavicius. Elenco: Jean Dujardin, Bérénice Bejo, John Goodman, James Cromwell, Penelope Ann Miller, Missi Pyle, Beth Grant, Ed Lauter e Malcolm McDowell. Duração: 100 minutos. Distribuição: Paris Filmes.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES