FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

CORAÇÃO DE NEON

“Fale de sua aldeia e estará falando do mundo”. Essa conhecida frase do russo Leon Tolstói se aplica à perfeição ao filme Coração de Neon, produção curitibana dirigida e estrelada por Lucas Estevan Soares. Dirigida e estrelada é pouco. Se tem um artista que pode colocar na abertura de seu trabalho “um filme de”, é o Lucas, já que além de dirigir e atuar, ele também produziu, roteirizou, compôs a trilha sonora, cantou algumas das canções e montou seu longa de estreia. Já o “falar de sua aldeia” se faz presente por ter o Boqueirão, bairro natal do diretor e um dos mais populosos de Curitiba, como única locação. Tudo começa como se fosse uma comédia romântica. Vemos Lau (Paulo Matos) e seu filho Fernando (Lucas Estevan Soares) saindo de casa com o famoso “boquelove”, um corcel antigo todo customizado para levar mensagens de amor por encomenda. Mas não demora muito e tudo muda drasticamente levando a história por caminhos surpreendentes. Há aqui uma boa mistura de gêneros cinematográficos que tornam a narrativa bem atraente. Trata-se de um “cinema de guerrilha”, como disse Lucas em entrevista. É sempre ótimo ver nosso país nas telas. Melhor ainda quando se trata de nossa cidade. E muito melhor ainda quando vemos o nosso próprio bairro. Coração de Neon é puro Boqueirão, ou melhor, “Boquera”, como os moradores costumam chamar. O cineasta abriu sua casa para mundo. Que tal uma visita? Em tempo: por contar uma história que se passa na capital paranaense, não podia deixar de ter uma capivara.

CORAÇÃO DE NEON (Brasil ). Direção: Lucas Estevan Soares. Elenco: Lucas Estevan Soares, Paulo Matos, Ana de Ferro, Wawa Black, Wagner Jovanaci, Wenry Bueno e Humberto Gomes. Duração: 100 minutos. Distribuição: IHC.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES