FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

A HORA FINAL

Se existe uma palavra que pode resumir a filmografia do cineasta americano Stanley Kramer, essa palavra é versatilidade. Ele começou a carreira no início dos anos 1950 como produtor e logo passou a dirigir também. Boa parte de seus filmes tem como tema questões sociais relevantes. Em A Hora Final, baseado no livro de Nevil Shute, com roteiro de John Paxton, acompanhamos um drama de ficção-científica. Estamos em 1964, logo após a Terceira Guerra Mundial. O conflito nuclear destruiu o planeta. Apenas os australianos e a tripulação do submarino Sawfish conseguiram escapar da radiação fatal. O Capitão Dwight Towers (Gregory Peck) inicia uma missão de reconhecimento. Cada uma das personagens, seja dentro do submarino ou na Austrália, encara o eminente fim do mundo de uma maneira diferente. Lançado em 1959, no auge da Guerra Fria entre americanos e soviéticos, A Hora Final é um excepcional exercício sobre o comportamento humano em uma situação desprovida de qualquer esperança. Sua mensagem antibelicista permanece forte e atual. O elenco, além de Gregory Peck, conta com Ava Gardner (linda como sempre), Fred Astaire (em seu primeiro papel dramático) e Anthony Perkins (pouco antes de Psicose).
A HORA FINAL (On the Beach – EUA 1959). Direção: Stanley Kramer. Elenco: Gregory Peck, Ava Gardner, Fred Astaire, Anthony Perkins, Donna Anderson, John Tate, Lola Brooks, Guy Doleman, John Meillon, Harp McGuire e Ken Wayne. Duração: 134 minutos. Distribuição: Classicline.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES