FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

O COLIBRI

A italiana Francesca Archibugi trabalha com audiovisual desde 1987 e ao longo desse tempo já escreveu e dirigiu mais de 25 filmes. Em 2022, ela realizou O Colibri, que é baseado no romance homônimo de Sandro Veronesi, adaptado por ela junto Laura Paolucci e Francesco Piccolo. Acompanhamos aqui a jornada de Marco Carrera (Pierfrancesco Favino) a partir da década de 1970, quando ele conhece Luisa Lattes. A partir daí, o filme vai e volta no tempo mostrando várias fases da vida de ambos e seus familiares. No entanto, não há um desencadear orgânico e harmonioso das situações apresentadas. Na verdade, a trama propõe um verdadeiro quebra-cabeças e cabe a nós, espectadores, ir juntando as peças. Depois de um certo tempo, muitas das peças começam a se juntar e a fazer sentido. Mas convém prestar muita atenção, pois qualquer descuido pode gerar confusões no entendimento da narrativa. Pelo menos, o núcleo de personagens permanece o mesmo nas diferentes épocas mostradas. Isso é um facilitador para seguirmos as mudanças na vida de Marco e das pessoas ao redor dele.

O COLIBRI (Il Colibrì – Itália/França 2022). Direção: Francesca Archibugi. Elenco: Pierfrancesco Favino, Bérénice Bejo, Kasia Smutniak, Laura Morante, Alessandro Tedeschi, Benedetta Porcaroli, Sergio Albelli e Nanni Moretti. Duração: 126 minutos. Distribuição: Pandora Filmes.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES