FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

LUTA PELA LIBERDADE

Desde sua estreia com Sorgo Vermelho, em 1988, o cineasta chinês Zhang Yimou é reverenciado como um dos maiores nomes da sétima arte em seu país. Seja com seus dramas intimistas ou históricos ou com aventuras estilizadas de artes marciais, ele tem o que costumamos chamar de traço autoral. Basta um ou dois frames de seus filmes para que consigamos identificar que se trata de uma obra sua. E essa assinatura se faz presente em Luta Pela Liberdade, que explora um gênero novo na filmografia do diretor: a espionagem de guerra. A partir de uma história original de uma série de TV criada por Yongxian Quan e exibida em 2012. O próprio Yimou, junto com Yiran Pan, adaptou o roteiro. A ação se passa na China, nos anos 1930, e acompanha quatro agentes especiais do Partido Comunista que retornam ao país depois de serem treinados na União Soviética. O grupo está encarregado de uma missão secreta, batizada de Utrennya. No entanto, um traidor revela informações vitais e com isso, cria-se um impasse. Zhang Yimou é um esteta e filma sempre com elegância, beleza e precisão. Em Luta Pela Liberdade ele revela-se hábil na condução de uma trama cheia de reviravoltas, tensão e violência. Em tempo: a produção de uma continuação já foi encomendada.

LUTA PELA LIBERDADE (Xuan Ya Zhi Shang – China 2021). De Zhang Yimou. Elenco: Hewei Yu, Yi Zhang, Hailu Qin, Yawen Zhu, Dehong Ni, Jiayin Lei e Yi Sha . Duração: 120 minutos. Distribuição: A2 Filmes.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES