FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

ALTA ANSIEDADE

Em mais de 70 anos de carreira, o americano Mel Brooks já trabalhou em muitas frentes. E se destacou em todas elas, seja como roteirista, ator, produtor, diretor e compositor. Os filmes que ele dirigiu ao longo da década de 1970 parodiavam diferentes gêneros. Em Banzé no Oeste, o faroeste; em O Jovem Frankenstein, o terror; e em A Última Loucura de Mel Brooks, o cinema mudo. Mas em 1977, quando do lançamento de Alta Ansiedade, o diretor prestou um bem-humorado tributo ao mestre do suspense Alfred Hitchcock. A “ação” gira em torno do doutor Richard Thorndyke (Brooks), que passa a administrar um instituto psiconeurótico para pessoas muito nervosas. Lá descobrem alguns fatos curiosos sobre o novo administrador e isso faz com que ele tenha que lidar a condição que dá título ao filme. Além das citações óbvias a Um Corpo Que Cai, Psicose e Os Pássaros, outros 17 filmes dirigidos por Hitchcock são referenciados aqui. O roteiro escrito por Brooks, junto com Ron Clark e Rudy De Luca, funciona em diferentes níveis e agrada os fãs de comédias, de Brooks e, principalmente, de Hitchcock.

ALTA ANSIEDADE (High Anxiety – EUA 1977). Direção: Mel Brooks. Elenco: Mel Brooks, Madeline Kahn, Cloris Leachman, Harvey Korman, Ron Carey, Howard Morris e Dick Van Patten. Duração: 94 minutos. Distribuição: Fox.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES