FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

A VIDA DOS OUTROS

O fim da Guerra Fria entre americanos e soviéticos deixou o cinema de espionagem um pouco órfão. Em compensação, algumas produções souberam explorar situações que não tinham espaço nas tramas que envolviam os agentes secretos. O filme alemão A Vida dos Outros baseia-se em uma história real que aconteceu na antiga Alemanha Oriental na primeira metade dos anos 1980. Vemos aqui o trabalho de vigilância do governo, que acompanhava atentamente a vida de todos aqueles que eram considerados inimigos potenciais do Estado. É o caso de Christa (Martina Gedeck), atriz popular que namora Georg (Sebastian Koch), o mais conhecido dramaturgo do país e um dos poucos que consegue enviar textos para o outro lado da fronteira. Como os dois são suspeitos de serem infiéis às idéias comunistas, eles passam a ser observados pelo frio e calculista Capitão Gerd (Ulrich Mühe), o mais temido agente do serviço secreto. A partir daí, se estabelece um interessante jogo de observação e conseqüente admiração. Quanto mais Gerd vigia, mas fascinado fica pelas vidas e personalidades de Georg e Christa. Em seu primeiro longa-metragem, o diretor e roteirista Florian Henckel von Donnersmarck revela um domínio narrativo completo e nos apresenta um mundo fascinante e desconhecido sustentado por personagens complexas e bem construídas que nos passam, acima de tudo, caráter e humanidade.
A VIDA DOS OUTROS (Das Leben der Anderen – Alemanha 2006). Direção: Florian Henckel von Donnersmarck. Elenco: Martina Gedeck, Ulrich Mühe, Sebastian Koch, Ulrich Tukur, Thomas Thieme, Hans-Uwe Bauer, Volkmar Kleinert, Matthias Brenner, Charly Hübner e Herbert Knaup. Duração: 138 minutos. Distribuição: Europa Filmes.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

2 respostas

  1. Uma das coisas mais fascinantes neste filme foi a escolha de Donnersmarck em captar todo o som direto através de equipamentos existente na época em que o filme se passa. Ou seja, tudo gravado em fitas de rolo… nada digital. Ao assistir em um bom cinema ou em um hometheater de qualidade pode-se ter uma belíssima experiência sonora! Magnífico!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES