FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

REVELAÇÃO (2000)

Em 1999, o cineasta Robert Zemeckis iniciou a produção de Náufrago e precisou interrompê-la por um ano para que Tom Hanks perdesse peso. Nesse meio tempo, ele aproveitou para dirigir outro filme, este Revelação. O roteiro, escrito pelo ator Clark Gregg (o agente Phil Coulson, da SHIELD), a partir de uma trama criada por ele junto com Sarah Kernochan, é um suspense envolvendo aparições fantasmagóricas. Somos apresentados ao casal Norman (Harrison Ford) e Claire (Michelle Pfeiffer). Eles vivem um casamento perfeito, porém, ela começa a ouvir vozes misteriosas e a ter visões de uma bela jovem vagando pela casa. O que haveria por trás disso, como adianta o título original? À medida que Claire busca por respostas, a proximidade da verdade coloca sua vida em perigo. Muitos se apressaram em classificar Revelação como uma obra digna de Hitchcock. Não é bem assim. Há, é verdade, elementos que podem induzir a essa conclusão. No entanto, em hipótese alguma, o diretor de Psicose utilizaria o sobrenatural em um filme seu. Teria que haver uma solução bem real. Basta ver, por exemplo, Um Corpo Que Cai, clássico absoluto do mestre do suspense e que tinha tudo para seguir esse caminho, mas, quem já o viu sabe o que realmente aconteceu.

REVELAÇÃO (What Lies Beneath – EUA 2000). Direção: Robert Zemeckis. Elenco: Harrison Ford, Michelle Pfeiffer, Katharine Towne, Miranda Otto, James Remar, Victoria Bidewell e Diana Scarwid. Duração: 130 minutos. Distribuição: Star+.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES