FILME DO DIA

E-BOOK

CINEMARDEN VAI AO OSCAR

HOJE

A cineasta paulista Tata Amaral pertence ao time do “menos é mais”. Ela, que ainda adolescente se envolveu na luta contra a ditadura militar, descobriu a sétima arte meio que por acaso, quando foi ouvinte da disciplina de Cinema, na Escola de Comunicação e Artes (ECA), da Universidade de São Paulo. Foi lá que ela conheceu o professor Jean-Claude Bernardet, com quem veio a desenvolver alguns roteiros. Entre 1986 e 1994 ela dirigiu vários curtas, até estrear com o primeiro longa, Um Céu de Estrelas, em 1997. Com Hoje, de 2011, seu quarto longa, ela volta a trabalhar com Bernardet, autor do roteiro, junto com Rubens Rewald e Felipe Sholl, e que se baseia no livro Prova Contrária, de Fernando Bonassi, que por sua vez escreveu também a obra que deu origem ao primeiro longa da diretora. Hoje conta a história de Vera (Denise Fraga), uma mulher que atuou como militante política e recebe do governo uma indenização por conta do desaparecimento do marido. Com o dinheiro, ela compra um apartamento para o qual está se mudando. De repente, a visita inesperada de Luiz (César Trancoso), altera sua vida por completo. Tata Amaral é uma diretora que preza pela sutileza. São pequenos e suaves movimentos de câmara, detalhes de objetos de cena e o posicionamento dos atores que, juntos, compõem um rico painel daquele universo íntimo, interior e fechado que ela procura retratar.

HOJE (Brasil 2011). Direção: Tata Amaral. Elenco: Denise Fraga, César Troncoso, João Baldasserini, Lorena Lobato, Cláudia Assunção e Pedro Abhull. Duração: 82 minutos. Distribuição: H2O Filmes.

COMPARTILHE ESSA POSTAGEM

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS POSTAGENS

ASSINE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES