INDEPENDÊNCIA OU MORTE

Filme do dia, Slider

Quando das comemorações dos 150 anos da independência do Brasil, em 1972, Oswaldo Massaini e Aníbal Massaini Neto produziram um dos grandes épicos do cinema nacional, Independência ou Morte. Com direção do paulista Carlos Coimbra, que vinha de uma série de filmes populares tendo o cangaço como premissa, a obra teve roteiro escrito pelo próprio Coimbra junto com Anselmo Duarte, Dionísio Azevedo e Lauro César Muniz. Acompanhamos aqui a trajetória de Dom Pedro I (Tarcísio Meira) responsável pelo famoso grito dado às margens do rio Ipiranga, em São Paulo, e que proclamou a independência de nosso país de Portugal. Misturando aventura com política e romance, o filme procura traçar um painel multifacetado do primeiro imperador brasileiro ao abordar sua grande paixão pelo Brasil, sua postura política e seu envolvimento com a Marquesa de Santos (Glória Menezes), sua amante. Meira esbanja carisma no papel principal, a exemplo do que viria a fazer, 13 anos depois, na minissérie O Tempo e o Vento, quando interpretou o capitão Rodrigo Cambará. Sucesso de público quando de seu lançamento, Independência ou Morte continua sendo a melhor cinebiografia do filho mais velho de Dom João VI.

INDEPENDÊNCIA OU MORTE (Brasil 1972). Direção: Carlos Coimbra. Elenco: Tarcísio Meira, Glória Menezes, Dionísio Azevedo, Emiliano Queiroz, Manoel da Nóbrega, Heloísa Helena, Anselmo Duarte, Jairo Arco e Flexa, Maria Cláudia, Francisco Di Franco e José Lewgoy. Duração: 108 minutos. Distribuição: Cinedistri.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 23 de agosto de 2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software