DOUTOR SONO

Filme do dia, Slider

Quando Stanley Kubrick lançou O Iluminado, em 1980, conseguiu maravilhar os cinéfilos e deixar extremamente revoltado Stephen King, autor do livro que deu origem ao filme. King ficou tão irritado com a versão de Kubrick que chegou a produzir uma versão própria, segundo ele, mais fiel ao material original. Cá entre nós, bem inferior. Quase 40 anos depois de ter escrito o livro, King retornou ao universo de Danny Torrance e do Hotel Overlook em Doutor Sono, que, claro, também foi adaptado para o cinema por Mike Flanagan. Danny, agora na casa dos 40 e vivido por Ewan McGregor, é um adulto traumatizado e alcoólatra. Ele se muda para uma pequena cidade do interior onde consegue um emprego no hospital local e planeja viver em paz. No entanto, ele se descobre ligado por um elo telepático com a jovem Abra (Kyliegh Curran), que é perseguida por Rose (Rebecca Ferguson), uma misteriosa mulher. Flanagan acerta em muitos pontos e consegue a proeza de ser fiel ao material tanto de King quanto de Kubrick. A escalação do elenco também é precisa. McGregor, Ferguson e Curran estão perfeitos. Assim como a decisão de não utilizar atores digitais para as cenas de flashback.  Doutor Sono é respeitoso com o filme de 1980 e tem personalidade própria. E isso, em se tratando de uma continuação de uma obra de Kubrick, definitivamente, não é pouco.

DOUTOR SONO (Doctor Sleep – EUA 2019). Direção: Mike Flanagan. Elenco: Ewan McGregor, Rebecca Ferguson, Kyliegh Curran, Cliff Curtis, Zahn McClarnon, Emily Alyn Lind, Selena Anduze, Robert Longstreet e Carel Struycken. Duração: 152 minutos. Distribuição: Warner.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 4 de março de 2020

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software