SETE MINUTOS DEPOIS DA MEIA-NOITE

Filme do dia, Slider

O diretor catalão Juan Antonio Bayona, ou simplesmente J.A. Bayona, iniciou sua carreira em 1999 dirigindo curtas. A estreia em longas aconteceu em 2007, com o aclamado O Orfanato, produzido por Guillermo del Toro. Cinco anos depois ele chamou a atenção com o drama O Impossível. Seu terceiro longa, de 2016, é este Sete Minutos Depois da Meia-Noite. O roteiro de Patrick Ness, adaptado de seu próprio livro, conta a história de Conor (Lewis MacDougall), um garoto de 13 anos que enfrenta uma série de problemas. Sua mãe (Felicity Jones) tem uma doença terminal. Seu pai (Toby Kebbell) é um ausente total. A avó (Sigourney Weaver) é severa demais. Para piorar tudo, na escola Conor é vítima constante de bullying. Neste contexto trágico, ele sonha com uma árvore gigantesca (voz de Liam Neeson), que aparece no horário que dá título ao filme e conta histórias em troca de ouvir histórias também. Bayona vem se revelando um cineasta de grande talento narrativo. Suas tramas fogem completamente do lugar comum e conseguem transitar por gêneros distintos sem perder o foco em momento algum. Sete Minutos Depois da Meia-Noite, convém alertar, é um filme triste, sem cair na pieguice. É comovente, sem sucumbir ao melodrama. É doloroso, sim, mas de um jeito bem original. O que mais posso dizer? Anotem este nome: J.A. Bayona.

SETE MINUTOS DEPOIS DA MEIA-NOITE  (A Monster Calls – Inglaterra/Espanha/EUA 2016). Direção: J. A. Bayona. Elenco: Lewis MacDougall, Sigourney Weaver, Felicity Jones, Toby Kebbell e Liam Neeson. Duração: 109 minutos. Distribuição: Diamond Films/Netflix.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 10 de setembro de 2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software