UMA HISTÓRIA DE AMOR E FÚRIA

Filme do dia

Luiz Bolognesi era mais conhecido como roteirista dos filmes dirigidos por sua esposa, a cineasta Laís Bodanzky. Quando resolveu se lançar como diretor, Bolognesi chamou a atenção pela escolha que fez para sua estréia. Ao invés de realizar um filme convencional, ele optou por uma animação. Assim nasceu o roteiro de Uma História de Amor e Fúria. Acompanhamos a história de amor entre Janaína e um guerreiro indígena que, ao morrer, assume a forma de um pássaro. De maneira episódica, ao longo de seis séculos, aquela história sobrevive e atravessa quatro fases da história do Brasil: colonização, escravidão, regime militar e futuro, no caso, o ano de 2096. Bolognesi, apesar do tom didático que imprime ao seu filme, merece elogios pela audácia de realizar uma animação que se propõe discutir um país e sua sociedade. Dos quatros segmentos, o que mostra nosso futuro é o mais rico e tecnicamente bem feito. Uma História de Amor e Fúria pode até parecer ingênuo em alguns momentos, mas, não há como negar que se trata de um filme corajoso em sua proposta. E só isso, já vale a conferida.  
UMA HISTÓRIA DE AMOR E FÚRIA (Brasil 2012). Direção: Luiz Bolognesi. Animação. Duração: 75 minutos. Distribuição: Europa Filmes.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 29 de abril de 2015

Uma resposta para “UMA HISTÓRIA DE AMOR E FÚRIA”

  1. Como o texto de hoje apresenta inúmeras razões: não se pode perder esta animação!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software