O SOL É PARA TODOS

Filme do dia

O roteiro de O Sol É Para Todos é baseado no premiado livro de Harper Lee. A escritora era a melhor amiga de Truman Capote, que é homenageado com a personagem do menino Dill. No filme Capote ela é interpretada pela atriz Catherine Keener. O Sol É Para Todos se passa no início dos anos 1930 e conta a história de um advogado, Atticus Finch, vivido na medida certa por Gregory Peck. Ele é um homem íntegro, viúvo e que cuida dos dois filhos pequenos. Aliás, o ponto de vista da narrativa é o de sua filha, Scout (Mary Badham), já adulta lembrando um acontecimento importante da infância, quando seu pai defendeu um negro (Brock Peters), acusado de estuprar uma garota branca (Collin Wilcox). O diretor Robert Mulligan não quis reinventar a roda e conduziu a trama de maneira pouco criativa, porém, correta e eficiente. A história tem sozinha todos os elementos para nos envolver emocionalmente. O que fica de marcante do filme é a relação de Atticus com seus filhos e sua firme conduta ética na defesa do suposto criminoso. O Sol É Para Todos foge do padrão dualístico-maniqueísta de Hollywood. Não há vilões na história, nem a luta entre bons e maus. Existem princípios a serem defendidos. Duas curiosidades: Foi o primeiro trabalho para cinema do ator Robert Duvall e a personagem Atticus Finch foi declarada pelo American Film Institute como o maior herói do cinema em todos os tempos.
O SOL É PARA TODOS (To Kill a Mockingbird – EUA 1962). Direção: Robert Mulligan. Elenco: Gregory Peck, Mary Badham, Philip Alford, John Megna, Frank Overton, Estelle Evans, Brock Peters, Collin Wilcox e Robert Duvall. Duração: 129 minutos. Distribuição: Universal.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 31 de maio de 2021

2 respostas para “O SOL É PARA TODOS”

  1. É uma delícia ver que cinema não é uma coisa única. Muitas vezes obras se sobressaem por cenários, ou pela fotografia, por uma história épica ou por grandes personagens, como em “O Sol É Para Todos”. Uma brincadeira-homenagem: Se fosse fazer uma “linhagem reencarnacionista” entre personagens de filmes, afirmaria que Atticus fez bonito em alguma falange de Leônidas, no desfiladeiro das Termópilas, vinte vidas anteriores. “Todos os gregos sabem o que é certo. Mas somente os espartanos decidem pelo que é certo”.

  2. silvia disse:

    baixei este filme na internet .amei o filme tinha assistido com meu pai quando era criança. foi uma boa recordação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software