A BELA JUNIE

Filme do dia

O francês Christophe Honoré foi professor de cinema, escritor de romances e autor de livros infantis até tornar-se diretor de filmes. Muitos de seus trabalhos envolvem a vida na adolescência. E A Bela Junie, que ele dirigiu em 2008, talvez seja o melhor exemplo de sua abordagem peculiar sobre esse período cheio de paixões transformadoras. Junie (Léa Seydoux), é uma garota de 16 anos. Após a morte de sua mãe, ela muda de escola. Rapidamente faz novas amizades. Bonita, logo chama a atenção dos rapazes e começa a namorar Otto (Grégoire Leprince-Ringuet). Pouco depois, percebe que está apaixonada por Nemours (Louis Garrel), seu professor de italiano. O roteiro, escrito por Honoré junto com Gilles Taurand, é inspirado no romance La Princesse de Clèves, de Madame de La Fayette. Em A Bela Junie, o mundo dos jovens se revela surpreendente e cheio de imediatismos típicos da fase. Mas, em momento algum, o filme descamba para a caricatura. Honoré é hábil o suficiente para conduzir sua trama sem tropeçar nos clichês do gênero. E de quebra, Chiara Mastroianni, atriz-fetiche do diretor, tem uma participação especial luminosa.
A BELA JUNIE (La Belle Personne – França 2008). Direção: Christophe Honoré. Elenco: Léa Seydoux, Louis Garrel, Grégoire Leprince-Ringuet, Simon Truxillo, Agathe Bonitzer e Chiara Mastroianni. Duração: 90 minutos. Distribuição: Imovision.

MEU CANAL

ÚLTIMOS PODCASTS

Last modified: 1 de setembro de 2021

Uma resposta para “A BELA JUNIE”

  1. Chiara Mastroianne e Léa Seydoux já pagam o aluguel na locadora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tabela de preço digitaltabela de preço açouguemídia indoortabela digitaltabela de preços digital para supermercadosmidia indoor software